Introduction

INTRODUÇÃO

Desde 1985, realizamos pesquisas no campo da Osteopatia visceral.

Os resultados do primeiro estudo estatístico, com base em documentos radiográficos e ecográficos, têm mostrado uma dinâmica organizada e repetitiva das vísceras. Isso significa que as vísceras abdominais se movem, em condições fisiológicas, de forma específica e similar sob a influência do aumento da pressão abdominal gerada pelo movimento diafragmático respiratório.

Outro estudo estatístico baseado em registros radiológicos mostrou que a dinâmica visceral pode estar modificada no âmbito das queixas abdominais (dor de estômago, refluxo…) e que uma queixa definida parece corresponder a uma modificação dinâmica específica.

Um terceiro estudo nos permitiu desenvolver um modelo pressórico entre as vísceras: correlações estatísticas significativas aparecem entre alguns parâmetros dinâmicos viscerais e conduzem às colunas de pressão abdominais verticais e cruzadas.

Dentro do conceito da Medicina baseada em Evidência, foi realizada uma meta-análise qualitativa da função diafragmática. Centenas de estudos foram analisados e sintetizados permitindo compreender a função e a disfunção do diafragma, como e porque estas colunas de pressão podem se desenvolver.

Estudos mais recentes têm destacado o conceito de “deslizamento visceral” abrindo um espaço para a discussão com o mundo da medicina.

Este trabalho permite construir e sustentar a abordagem global da Osteopatia e integrar a Osteopatia visceral.

Propomos nova normalização visceral baseada no conhecimento da dinâmica fisiológica e suas disfunções, sobre as propriedades visco elásticas dos tecidos e integrados na abordagem global das colunas de pressão.

Outra meta- análise qualitativa da função e disfunção mecânica urogenital integrada no modelo de coluna de pressão levou-nos a desenvolver um programa de normalizações urogenitais por via externa.

Além disso, continuamos nossa pesquisa com engenheiros da Faculdade Politécnica de Mons (Mons, Bélgica) para desenvolver um sistema de análise da dinâmica visceral por imagem médica.